As ruas têm história

José Lino dos Santos Coutinho viveu entre 1784 e 1836. Nasceu em Salvador, Bahia, em 31 de março de 1784, filho do casal português José Lino dos Santos e Rosa Luísa Coutinho. Formou-se médico na Universidade de Coimbra, em Portugal, e viveu por um curto período na Inglaterra e na França.

José Lino dos Santos Coutinho
Fonte: Wikipédia

Após a Independência do Brasil, foi eleito deputado geral pela Bahia para as duas primeiras legislaturas, 1826–1829 e 1830–1833. Tornou-se conselheiro do imperador D. Pedro I, médico honorário da Imperial Câmara e cavaleiro da Ordem de Cristo. Em 1832, idealizou a reforma dos colégios Médico-Cirúrgicos da Bahia e do Rio de Janeiro, uma das primeiras iniciativas do Príncipe Regente na área da educação. Agora nomeada como Faculdade de Medicina da Bahia, Coutinho foi o seu primeiro Diretor.

Ainda como ministro, denunciou a pouca implementação do disposto na Lei de 15 de outubro de 1827 sobre a obrigatoriedade da instrução pública nacional, mostrando as dificuldades enfrentadas e poucos resultados do ensino elementar no país.

Legenda: Lançamento da Pedra Fundamental do Hospital da Santa Casa da Misericórdia, Dom Pedro II, ano de 1827.
Acervo Museu Vicente de Azevedo.

Além da reconhecida atuação como político e médico, Lino Coutinho foi também tradutor e autor de vários livros. Sua obra póstuma Cartas para a Educação de Cora, publicada em 1849, foi um marco para a história da educação feminina no Brasil.

A rua com o seu nome, localizada no Bairro do Ipiranga, foi oficializada pelos Atos nº 706, de 18 de agosto de 1914 e nº 1.472, de 15 de setembro de 1938, para o seu prolongamento.

Rua Lino Coutinho no bairro do Ipiranga.

Outras histórias como essa são preservadas no Museu Vicente de Azevedo. Caso tenha curiosidade sobre alguma rua de nosso bairro, fale conosco!

Tel.: (11) 2215–6900 E-mail: museuvicentedeazevedo@funsai.org.br

O MVA é um espaço de divulgação, reflexão e preservação da história da família Vicente de Azevedo, sua obra social em especial no Ipiranga

O MVA é um espaço de divulgação, reflexão e preservação da história da família Vicente de Azevedo, sua obra social em especial no Ipiranga